Início / Saúde / 13 de dezembro: Dia Nacional do Deficiente Visual

13 de dezembro: Dia Nacional do Deficiente Visual

Estima-se que existam no Brasil mais de 6,5 milhões de pessoas com dificuldade permanente de enxergar.

Foto: Pixabay

A data foi instituída em 1961 com o objetivo de conscientizar a população contra o preconceito e a discriminação, incentivando o espírito de solidariedade humana. A deficiência visual é caracterizada pela perda total ou parcial da visão, seja por consequências congênitas (no nascimento) ou adquirida ao longo da vida. Adriano Machado, empresário fundador da Acvida Cuidadores, reforça que cuidar de uma pessoa com deficiência visual exige preparo e dedicação. Por isso muitas famílias têm procurado pela ajuda de um cuidador especializado para lidar com as situações do dia a dia, em especial quando a falta de visão vem associada a outros problemas físicos ou cognitivos. “Contar com a ajuda de profissionais capacitados e experientes para assumir os cuidados com segurança, traz tranquilidade e conforto para quem está recebendo esse cuidado e, consequentemente, para sua família”, explica o empresário. “Se o deficiente visual precisa de auxílio para as suas Atividades de Vida Diárias (AVD), tais como alimentar-se, realizar a higiene pessoal, ou simplesmente para manter o ambiente seguro, um cuidador é indicado para prestar todo o suporte necessário” conclui.

No caso de prejuízos à visão causados pela diabetes, a presença do cuidador pode ser ainda mais efetiva. “Assistimos uma idosa diabética que, pela falta de acompanhamento adequado, perdeu a visão de um olho. Após a definição de uma rotina alimentar e de monitoramento contínuo do diabetes, foi possível controlar a glicemia e evitar que o problema trouxesse mais consequências, o que foi confirmado pelos médicos. Casos como este exemplificam o valor de um cuidador bem capacitado”, completa o empresário.

Adriano ressalta alguns cuidados necessários que devem ser adotados e observados pelo cuidador, seja ele familiar ou contratado, para uma melhor qualidade de vida no dia a dia das pessoas com deficiência visual.

– Desobstrua os caminhos: Independente do grau de deficiência visual, é importante que os caminhos estejam livres para que a pessoa se locomova com segurança. Esse cuidado é especialmente importante em locais novos e desconhecidos, nos quais a pessoa está preocupada em se familiarizar e pode não notar algum obstáculo.

– Identifique-se ao iniciar o contato: É importante lembrar que nem sempre a pessoa deficiente visual necessita de ajuda, mas vale a pena ficar atento. Se você perceber que a pessoa precisa de informações ou alguma outra ajuda, comece o contato se identificando, para que ela perceba que você está falando com ela. Ofereça auxílio e pergunte como você pode ajudá-la, mas não institua nenhuma ação antes de perguntar.

– Seja Claro: É necessário ser claro ao dar alguma informação ou oferecer qualquer tipo de ajuda. Nesse caso, evite utilizar gestos e movimentos corporais para se expressar, diga tudo que quer dizer com palavras. Não utilize termos como “ali” ou “lá” e forneça direções como “siga à direita”, “ande reto”. Tente ser o mais específico possível.

Serviço:
https://acvida.com.br/
https://www.instagram.com/acvidacuidadores/
https://www.facebook.com/AcvidaCuidadores/

Sobre paulobsbdetodos

Também confira

Clubecoat reabre piscina e sauna

Foto Divulgação Numa mescla entre academia e clube de lazer, a Clubecoat oferece uma gama …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *