Início / Cultura / Consciência Negra é celebrada na área externa do Teatro Nacional

Consciência Negra é celebrada na área externa do Teatro Nacional

De quinta a domingo, programação gratuita contará com oficinas, música e exposições

A área externa do Teatro Nacional Cláudio Santoro e a Rodoviária do Plano Piloto serão palco das comemorações do Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro. A programação que começa nesta quinta-feira (28) e vai até sábado (30) é gratuita e contará com exposições, artesanato, oficinas e apresentações artísticas.
A iniciativa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) é uma forma de valorizar a cultura e ancestralidade negra a partir da arte, além de promover reflexões sobre o papel do negro na sociedade contemporânea.  Segundo a coordenadora de políticas culturais da Secec Sol Montes, as ações afirmativas desempenham papel importante na construção das políticas públicas e reforçam a identidade da população negra. “As manifestações vão além da música: temos as artes plásticas, visuais e até mesmo a moda como forma de empoderamento e construção de identidade”, frisa.
Para debater essas e outras questões como o racismo, por exemplo, a programação prevê, ainda, rodas de conversa com representantes do Governo do Distrito Federal e líderes do movimento negro, que serão realizadas no Foyer do Teatro Nacional Cláudio Santoro.
Também estão previstas oficinas de bonecas negras e maculelê, além de exposição de produtos e cultura afro, apresentação da Companhia de Teatro Mapati e shows com a Banda Coisa Nossa, Kris Maciel, Obará e Banda e Os Criollos, entre outros.
Confira aqui a programação completa:

Semana da Consciência Negra 2019

  • Quinta-feira (28/11)- Foyer do Teatro Nacional Cláudio Santoro
  • 14h às 18h – Oficina de Bonecas Negras (20 vagas por ordem de chegada)
  • 16h às 18h – Roda de Conversa

– Área Externa do Teatro Nacional Cláudio Santoro

10 às 18h – Exposição de produtos, cultura e africanidades
– Palco principal

  • 19h – Show com Obará e Banda
  • 20h – Show Banda Os Criollos
  • 21h – Samba na Guariba
  • 22h – Luciano Ibiapina e Banda

Sexta-feira (29/11)

– Foyer do Teatro Nacional Cláudio Santoro

  • 10h às 12h – Roda de conversa com Juvenal Araújo, subsecretario de Direitos Humanos da SEJUS
  • 14h às 18h – Oficina de Bonecas Negras (20 vagas por ordem de chegada)
  • 14h às 15h30 – Oficina de Maculelê (20 vagas por ordem de chegada)

– Área Externa do Teatro Nacional Cláudio Santoro

10 às 18h – Exposição de produtos, cultura e africanidades

– Rodoviária do Plano Piloto

  • 16h às 17h – Companhia de Teatro Mapati
  • 17h às 18h – Grupo Sem Distinção
  • 18h às 18h45 –Kris Maciel


– Palco Principal

  • 19h às 20h – Show de Bebeto Cerqueira e Banda
  • 20h às 21h – Café com Samba
  • 21h às 22h – Grupo Amor Maior23h à 00h – Banda Coisa Nossa

Sábado (30/11)

– Área Externa do Teatro Nacional Cláudio Santoro

  • 09 às 17h – Exposição de produtos, cultura e africanidades
  • 12h às 15h – Roda de Samba com Feijoada da Consciência Negra


– Palco Principal

  • 15h – Show Jean Musa e Banda
  • 16 h –Show Grupo Papel Marchê
  • 17h – Dhi Ribeiro e Banda
  • 18 h – Show com Alex Ribeiro (RJ)

Sobre paulobsbdetodos

Também confira

Iniciativa inovadora defende direitos de mulheres em bares e restaurantes

Parceria entre a Abrasel-DF e o UNFPA no Brasil inicia a divulgação de protocolo Brasília, DF …